Posted on Deixe um comentário

Utilizando o estoque do fornecedor: quais as vantagens?

Conheça a prática e os seus benefícios para os negócios 


Quem é empreendedor sabe: o custo de se ter um estoque pode ser grande. Além do fato dele ocupar um bom espaço, ter um número grande de itens que não estão sendo vendidos no momento influencia diretamente nos lucros do comércio.

Em diversos tipos de negócio (inclusive as lojas digitais), um tipo de prática tem sido muito utilizada para minimizar os custos com o abastecimento de estoque, otimizar espaço e ter um número maior de produtos à disposição do cliente.

Essa prática consiste em utilizar diretamente o estoque do seu fornecedor, de modo que você apenas comprará os itens que ficam à mostra em seu estabelecimento, sempre levando em consideração a demanda dos seus clientes.

Quer saber mais como isso funciona? Continue com a sua leitura e conheça os benefícios de aplicar essa prática em seu negócio.

Quais as desvantagens de contar com um estoque?

Se você está montando agora a sua empresa ou mesmo está pensando em fazer algum tipo de reorganização do modo como ela funciona, é necessário que você entenda um pouco sobre o estoque.

Mesmo possuindo algumas vantagens, quando falamos de empresas pequenas e que estão iniciando o seu funcionamento agora, é necessário reconsiderar os prós e contras que o estoque possui.

E acredite, as desvantagens tendem a superar as vantagens.

A primeira grande desvantagem está relacionado ao espaço. Antes de tudo, você precisa analisar o tamanho e o perfil de sua empresa, pois você pode montar um ambiente para o estoque que poderia ser utilizado para outras atividades.

O que ocorre é que muitas empresas acabam acumulando muitos produtos num espaço inadequado, e em algum momento este não comportará mais tantos itens.

Analise bem se você tem um local de sobra em sua empresa, pois o bom uso de cada ambiente fará a total diferença para o crescimento do negócio.

Os custos também é um peso importante nessa balança. Espaço também é dinheiro, e isso deve ser levado em conta, pois para manter um ambiente adequado para o armazenamento de produtos e artigos é algo que despende dinheiro, demandando necessidades de acordo com que está sendo armazenado.

E também vale mencionar que você precisará investir bastante para ter um estoque completo, mesmo que os produtos não tenham saída imediatamente.

Dropshipping: uma forma online de utilizar o estoque do fornecedor

O Dropshipping tem sido uma prática muito adotada por quem está começando num negócio online. 

Basicamente, se consiste no e-commerce fazer a venda do produto e enviar a ordem de transação para um fornecedor parceiro. É esse fornecedor que fica encarregado de enviar o item para ao cliente em nome do comércio, este que tem como lucro a diferença entre o preço cobrado para o usuário e o que foi cobrado pelo fornecedor.

Bem simples, não é mesmo?

De formas distintas, esse tipo de prática também é utilizada em comércios físicos, porém com sutis diferenças.

Para esse tipo de negócio, o empreendedor procura comprar as quantidades necessárias de cada produto, evitando acumular um estoque extenso de cada tipo.

É o chamado estoque de prateleira, o qual é renovado toda semana conforme a demanda dos clientes.

Com isso, o empreendedor estará trabalhando com um custo de estoque praticamente zero!

Casa de embalagens – Como utilizar esse método?

As casa de embalagens podem se beneficiar muito caso apliquem essa prática. Evitando a compra em fábricas que vendem apenas grandes quantidades de cada um dos produtos, é possível solicitar apenas o necessário deles, tendo um catálogo vasto e sem a necessidade de um gasto astronômico.

Se você atua no mercado de embalagens na região da grande Florianópolis/SC, saiba que a Real Sc trabalha esse tipo de serviço e pode oferecer à sua casa de embalagens os produtos essenciais para abastecer a demanda do seu comércio.

Não gaste mais com estoque desnecessário! Tenha gastos inteligentes e aprimore os seus lucros!

Deixe uma resposta