Posted on Deixe um comentário

Tudo o que você precisa saber sobre queijos artesanais

Dicas para você que é amante de queijos e deseja ingressar nesse universo

Todo mundo gosta de queijos. Esse alimento que é uma quase unanimidade no paladar popular, tem uma alta versatilidade e é um os ingredientes mais comuns na culinária mundial.

E para quem gosta de queijos, sabe que existe uma imensa variedade deles, desde o mussarela até o cheddar, passando pelo gorgonzola e camembert. Extremamente comum na mesa dos brasileiros (principalmente os queijos industrializados), geralmente podem ser encontrados em supermercados. 

Porém, existe um outro tipo de queijo que cada vez mais vem ganhando espaço nesse mercado e já caiu no gosto dos verdadeiros apreciadores da boa culinária: os queijos artesanais.

Basicamente, esse tipo de queijo é produzido artesanalmente, sem adição de conservantes e com um toque especial de “feita em casa”.

Vamos conversar mais sobre queijos artesanais? Siga lendo e confira!

Diferenças entre o queijo industrializado e o artesanal

Bom, existem algumas diferenças triviais entre os queijo industrializado e o artesanal. A principal delas é o fator dos conservantes, que diferentemente do modelo industrializado, o artesanal não leva nenhum.

E pelo fato da maioria dos queijos artesanais serem feitos por encomenda, geralmente o seu frescor é muito maior.

Existe uma outra questão bem importante a quem aprecia o consumo de queijos que é o acompanhamento. Nos artesanais, existe um acompanhamento muito próximo do produtor, que pode corrigir qualquer modificação de imediato. No caso dos industriais, isso não ocorre, já que a produção é quase 100% mecânica.

Vantagens dos queijos artesanais

A maior vantagem em consumir um queijo artesanal é que ele é um alimento natural, sem adição de elementos químicos industrializados para alterar o prazo de conservação ou mesmo aparência do produto.

Além disso, a textura e o sabor de um queijo artesanal é bem diferente daqueles comprados em supermercados e você tem uma variedade mais ampla, com opções de queijos temperados, com doce de leite, goiabada, ricota e entre outros ingredientes que o produtor pode aderir.

Como fazer queijo artesanal?

Mas e como um queijo artesanal é produzido? Já pensou nisso?

Bom, o processo é até que relativamente simples: a primeira coisa que deve ser feita é a adição do coagulante ao leite. Após isso, o produtor deve deixar coagular por um tempo, que varia entre 25 e 30 minutos.

Após isso, é preciso retirar a massa do soro e levá-la a uma forma de inox. A massa deverá ficar por ali por ao menos seis horas em cada um dos lados para poder secar.

Após isso, o queijo está pronto!

Logicamente, a receita varia de acordo com o produto e cada tipo de queijo possui uma metodologia de produção diferente um do outro.

Embalagens para queijos artesanais

Está pensando em começar a produzir o seu próprio queijo? Na Realsc Embalagens você encontra tudo o que é preciso para embalar a sua produção.

Trabalhamos com embalagens a vácuo feitas exclusivamente para queijos, que além da alta qualidade de conservação, também possibilita a impressão de sua marca , ideal para o seu marketing e divulgação. Lembrando que, para os novos empreendedores, é possível encomendar embalagens em pequenas quantidades, caso elas não sejam impressas.

Além das embalagens, também trabalhamos com Interfolhadores, itens essenciais para separar fatias de queijos e impedir que elas venham a grudar umas às outras. Item fundamental a quem deseja produzir queijos, seja artesanalmente, seja de forma industrial.

Peça a sua agora! Clique aqui!

Deixe uma resposta