Posted on Deixe um comentário

O que significa BOPP, PET, PP, PEAD, Coex e MRP

embalagens flexíveis

Confira mais sobre a definição de cada siglas dos materiais plásticos

Segundo a norma técnica brasileira – a NBR 13.230.2008 – existem alguns tipos de diferentes materiais plásticos e esses são denominados com o uso de siglas. Separamos as principais delas para que você entenda melhor a composição e principais qualidades de cada uma.

A seguir, você confere mais sobre algumas siglas dos materiais plásticos que são usadas nas embalagens flexíveis.

Plásticos usados nos tipos de embalagens

Polietileno (PE)

Ideal para a produção de sacos e bobinas, o material tem uma ótima resistência, excelente brilho e transparência, fixando-se muito bem à solda. Geralmente, o Polietileno (PE) é muito usado nas embalagens flexíveis de alimentos, remédios e produtos de higiene e limpeza

Eles são identificados da seguinte forma em cada embalagem: Polietileno Tereftalato (PET), Polietileno de Alta Densidade (PEAD), Polietileno Cloreto de Vinila (PVC) e Polietileno de Baixa Densidade.

O PEAD é resistente a baixas temperaturas, é leve, impermeável, com resistência química e uma ótima selagem.

Já o Polietileno de baixa densidade é mais flexível, transparente, leve, impermeável e bem resistente, também com ótima selagem.

Por fim, o PET é transparente, impermeável e bem leve, geralmente usado com filme BOPP metalizado, muito comum no embale de salgadinhos, por exemplo.

Polipropileno (PP)

O PP também é indicado para o uso em sacos e bobinas, tendo um ótimo aspecto estético que garante alto nível de brilho para a embalagem. Tem alta resistência a mudanças de temperaturas, exceto a temperaturas de congelamento, sendo ótimo para conservar o aroma dos produtos.

Muito usado na embalagem de produtos alimentícios e também de limpeza.

Polipropileno Biorientado (BOPP)

O BOPP é uma variação do PP. Ele possui uma ótima barreira à umidade, oxigênio e às gorduras. Muito comum para embalar salgadinhos, biscoitos, mistura para bolo e afins.

Embalagens a vácuo MRP

Estas se tratam da última geração de embalagens com barreira, ótimas para o acondicionamento de produtos que devem ser conservados a vácuo ou em atmosfera modificada.

São indicadas para embalar fatiados, salsichas, queijos ou qualquer outros tipos de produtos que necessitem da conservação a vácuo.

Características:

• Redução de até 40% na espessura se comparado a um Nylon Poli tradicional.

• Alto brilho e transparência.

• Ausência de solda lateral.

• Maior visibilidade do produto embalado.

• Incremento de 30% da resistência mecânica e superior resistência a perfurações.

Plástico Coex

O Coex é desenvolvido a partir de diversas camadas de plástico polietileno. Geralmente, elas são sobrepostas para que o produto ganhe mais resistência do plástico. Também são chamadas coextrusados ou só Coex.

O plástico Coex tem ficado cada vez mais popular no mercado devido a sua capacidade de proteger os produto e mantê-lo em total segurança e conservação.

Embalagem plástica biguaçu

A Realsc Embalagem possui um catálogo amplo de embalagens plásticas flexíveis, atendendo as mais variadas necessidades e demandas. Possuímos sacolas personalizadas, embalagens a vácuo, sacos PE e muito mais.

Se você possui uma empresa e quer oferecer a melhor qualidade em embalagens, não deixe de entrar em contato com a Realsc Embalagens. Estamos aguardando por você!

Deixe uma resposta